Amo Dinheiro - Notícias sobre Bitcoin, Criptoativos e Blockchain

Bitcoin é Pirâmide? Entenda por que não é!

Os esquemas de pirâmides há pouco tempo chamaram atenção de muitas pessoas, inclusive pessoas próximas do leitor, provavelmente.

Quem nunca ouviu falar sobre esquema de pirâmide ou, como pode ser chamado também, o marketing de multinível?

Tal esquema voltou a tona com o crescimento das moedas digitais, principalmente do Bitcoin, mas porque isso?

O Bitcoin realmente depende de uma pirâmide? Não! É simples assim. O esquema de pirâmide funciona mais ou menos da seguinte forma.

Funcionamento da pirâmide

Existem diversas empresas que trabalham com tal estrutura de pirâmide, mas de formas diferentes, mas no final todas dependem que o negócio continue evoluindo, ou seja, que sempre haja compradores, e que sempre haja novas pessoas dispostas a vender os produtos ou serviços.

O negócio começa com o dono da empresa vendendo os produtos para uma nova pessoa, e ao mesmo tempo em que oferece os produtos, oferece também a possibilidade de se tornar um afiliado do negócio.

Ou seja, esse novo afiliado, vai receber em troca de um pequeno investimento, um conjunto dos produtos, e receberá a oportunidade de tocar o próprio negócio. Mas além da venda em si, o novo afiliado também pode receber mais dinheiro quando consegue chamar novas pessoas para se tornarem afiliados.

Desse modo sempre haverá mais e mais pessoas entrando no negócio, e mantendo o topo da pirâmide.

Porém, como é de se imaginar, existe uma grande falha nesse esquema. Será que sempre haverá novas pessoas para alimentar a pirâmide?

Pois é, uma hora o negócio não vai mais para frente, e toda a estrutura acaba se desfazendo. Esse é o grande problema dos esquemas de marketing multinível e o medo de alguns investidores de Bitcoin, mas porque o Bitcoin seria um esquema de pirâmide?

 

Bitcoin, pirâmide?

Definitivamente não! O Bitcoin não é uma pirâmide. Como já foi explicado no artigo, o esquema de pirâmide se dá a partir do momento que novas pessoas entram para que os antigos integrantes do esquema possam receber comissões.

Ou seja, existe uma necessidade constante que novas pessoas entrem para realimentar todo o esquema. Fato que não ocorre com o Bitcoin. Não existe uma necessidade de novos usuários.

O que existe de fato que uma moeda, porém digital. Não existe uma moeda física que pode ser utilizada no mercado por exemplo.

Não podemos ir até uma casa de câmbio e trocar reais por Bitcoins. Mas o investidor pode comprar Bitcoin como se fosse investir em dólares, por exemplo.

O Bitcoin é uma tecnologia que está em ascensão no mundo. Junto da criptomoeda outras moedas digitais também estão se utilizando dessa fama para conseguir se projetar no mercado.

 

Posso investir tranquilo em Bitcoin então?

Pode sim! O investidor deve ter cautela, isso sim. Os Bitcoins, como qualquer outra forma de investimento não são 100% garantidos, ou seja, é possível que haja perdas em suas aplicações.

Por isso faça seus investimentos com cautela! O mercado de criptomoedas é bem volátil, foi possível ver isso recentemente.

Os Bitcoins chegaram a ficar acima dos R$ 60.000,00 a unidade! E hoje não chegam nem a metade desse valor.

Por isso aplique com consciência! O Bitcoin e um ativo que depende do interesse das outras pessoas. Se o mercado começar a ter um interesse muito grande novamente em cima da moeda, então é possível que sua cotação suba muito!

Até porque o Bitcoin possui uma quantidade limitada, e a produção dele está reduzindo cada vez mais. Quanto menos oferta, maior será o preço de cada um dos Bitcoins.

É natural que o valor da criptomoeda acaba ficando cada vez mais cara. Portanto não tenha medo de investir em criptomoedas.

Por mais que boa parte das moedas digitais não tenha nem lastro, a tecnologia por trás das moedas é importante, e chama atenção do mercado. Fato que pode beneficiar os investidores mais cedo ou mais tarde.

Bitcoin é Pirâmide? Entenda por que não é!
Avalie este post

Adic. comentário

Redes Sociais

Curta nossa página.